6 comments on “Pão e Rosas

  1. Pingback: 1948, mulher com fumo de cigarro « vi um homem que viu outro que viu o mar

  2. C’était le temps béni où on se battait encore dans l’allégresse.

    les fumées étaient bleues
    à en sourire…
    Les vouloir étaient fertiles,
    Les interdits à proscrire
    La guerre tuait
    mais pas l’amour.
    Sommes-nous devenus cons,
    impuissants,
    ou
    vieux et nostalgiques ?

  3. Pingback: Pão & Rosas | Aventar

  4. Pingback: Pão e Rosas | Aventar

  5. Pingback: Oitos de março – Aventar

  6. Pingback: Pão e Rosas* – Aventar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s